DICAS DO QUE NÃO FAZER AO SE COMUNICAR COM UM SURDO

surdo

Michele Machado, surda, professora de LIBRAS e criadora de conteúdo digital, explicar de forma clara algumas ações que você deve evitar quando estiver conversando com um surdo:

01. Não grite ou fale rápido demais.

Se você não sabe LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais), o ideal é que você se posicione em frente ao surdo, já que muitos fazem leitura de lábios. Outra dica importante é: faça expressões faciais conforme o sentimento que quer expressar, isso facilitará muito o entendimento.

02. Não saia sem entender

Caso seja difícil de entender a mensagem através dos sinais, procure outras formas de comunicação, como escrita, classificadores, LIBRAS básico ou outros sinais.

03. Gestos bruscos

Fale naturalmente e evite fazer movimentos rápidos e fortes. A comunicação será mais clara se você optar por gestos suaves e que tenham relação com o que você quer dizer.

04. Excluir o surdo na conversa

Em eventos, festas ou rodas de conversa no trabalho, interaja também com o surdo. Procure incluí-los nas conversas de forma gentil e atenciosa.

Inclusão x comunicação

A comunicação é o primeiro passo para que a inclusão do surdo seja efetiva no mercado de trabalho, na escola e até mesmo nos momentos de turismo e lazer. Para que isso aconteça da melhor forma é preciso que haja uma ação massiva da população para transformar esse processo em uma via de mão dupla.

Nossa dica de ouro é: aprenda LIBRAS assim que possível. Saber e comunicar de forma correta com um familiar, amigo ou colega de trabalho pode ser uma experiência transformadora para você e para ele.

Texto: Michele Machado

Fonte: www.semearhis.com.br