É ano de Copa do Mundo de Futebol ! É ano de mais uma Mobility Rio 2018 !!!

RIO DE JANEIRO

Ela rola, elas rolam em todos os cantos deste País.

Alguém as domina:

– Em frente, para direita, para a esquerda, atrás e… elas rolam como todas as demais.

Alguns têm mais jeito para saber tocá-las, outros nem tanto. Mas aqui, no País do futebol, onde grama e brita parecem ter a mesma textura, lá vai nosso “jogador” conduzindo sua criatura.

Ela rola ladeira abaixo, desenrola ladeira acima, ele a leva como ninguém e sempre está por cima.

Quando um garoto nasce no Brasil, o primeiro presente é uma bola, sem nem mesmo saber como e quando irá para a escola.

O giro parece um rebolado, quando se gira em tempo diferente cada um dos seus dois lados.

Para não mais intrigá-lo(a) parecendo que falo só de futebol, queria falar dos amigos nas cadeiras de rodas, de sol a sol.

Em todos os cantos deste País, rolam as rodas de uma cadeira. Correm de um lado, correm de outro e com ajuda até sobem ladeira.

Tem cadeirante que parece malabarista, rola de um lado para outro em quatro rodas. As grandes estão no comando, as pequenas servem de guia e rolam como uma bola, seja de noite, seja de dia.

No entanto, por aqui, o que não falta são barreiras. Isso eu aprendi, independente das ladeiras.

Bom, como com o futebol muitos se preocupam e, para a acessibilidade poucos dão bola, entendemos no bom “futebolês”, que acessibilidade para muita gente não passa de uma “pelada”.

E, se é assim, vamos fazer nós a nossa Copa do Mundo ? Nossa Copa tem um nome, é a Mobility Rio 2018. Vamos lá então:

– Precisávamos de um campo. Batemos em várias portas, conversamos com vários cartolas, procuramos quem a gente achava que gostava da nossa “bola” (roda) rolando. Eeeee Gooooool !!! O Riocentro fez um golaaaaço ! Matou a ideia no peito, sugeriu o Pavilhão 4 e, driblou um, driblou dois e foi correr para o abraço !

– Precisávamos de uma equipe. Uma equipe que estivesse à altura, uma galera “de responsa” e que entendesse que a tarefa seria dura. Gooooollll !!! Foi do Detran – RJ !!! A equipe não titubeou, disse ao que veio ano passado, e logo se empolgou ao saber do resultado. Em 2017, mais de 4.500 visitaram a Mobility Rio, e desses, mais de   500 fizeram o test-drive comandado pela equipe do Detran-RJ ! E, para mais uma vez orquestrar o test-drive junto com o time do Detran-RJ, ninguém mais do que o técnico das equipes de test-drive das Mobilitys Brasil afora: Renaaaaatooo Baccarelliiiiiiiiiiii !

– Precisávamos de um jogo de camisas. Mas não de qualquer um, uma camisa de marca, que mostrasse a união de toda essa turma boa. E é Gooooooollll !!! E de placa ! A Secretaria da Pessoa com Deficiência, sob a batuta do Dr. Geraldo Nogueira entrou de cabeça, passou para a Associação Pestalozzi, que lançou para a AFR, que de letra mandou para ANDEF… essa entregou a bola para a Novo Ser que deixou de bandeja para a Praia para Todos que de voleio achou a ABBR no centro do campo… a ABBR  lançou para o Rio de Janeiro Power Soccer e vão todos para o ataque ! Esse time segue junto porque, como ninguém é quem mais pensa no assunto… Não fique afoito, certamente outros se juntarão a nós, até julho de 2018.

– Precisávamos de jogadores… Jogadores que fossem estrelas notáveis, que gostassem de inovar e, portanto, insaciáveis. Boooolllaaaa naaaa reeeeddeeee ! O time vem se formando, tem: Toyota, Nissan, Honda, Ford, Chevrolet… ninguém deixa para amanhã. E vem: Hyundai, Peugeot, Renault e muito mais… tem Fiat e tem Jeep, ninguém fica para trás. Olha a Cytroen aí gente… Moçada com experiência de sobra pra bater um bolão ! Tem Mitsubishi, Mercedes-Benz e BMW mostrando sua eficiência. Rapaz, que energia !!!! Aí vem a Kit Livre e Azul Locadora em campo… Tem Cavenaghi e Adeaquare, junto vem a Follow Up… são muitos os jogadores para o meu espanto… É um timaaaaaço de primeira !!! E vão chegar muitos outros jogadores até julho de 2018… Essa é a promessa do nosso Professor Rodrigo Rosso: ainda vão ter  muuuuuuitoooo mais novidades !!!

– O espetáculo está confirma !!! Tuuuudo sendo preparado nos mínimos detalhes.

– Peraí ! Peraí ! Peraí ! Importantíssimo ! Aqui, na nossa Copa do Mundo da Acessibilidade – Mobility & Show Rio 2018 – o ingresso é gratuito !!! O público não paga nada para assistir. Aqui a festa é para o torcedor. Torcedor que virá de BRT e chegará direto na porta do nosso estádio: o Riocentro – e com facilidade, porque hoje no Rio isto é a realidade. Para aqueles que vierem da Praça XV e da Central, o transporte é gratuito, veja que legal  !  E adaptado gente !!!!

– E como não é surpresa para ninguém… eeeeeela a nossa queridíííííssimaaa, a nossa  Madrinha ! Madrinha da Mobilty Rio… a  Vereadora Luciaaaana Novaes, estará conosco em uma área exclusiva, para prestar informações e trocar ideias inclusivas. Mais uma forma de unir, as diversas possibilidades para um mundo servir com menos adversidades.

– Aí você me pergunta: “Mas e se o Brasil não ganhar a Copa do Mundo de Futebom ? ”…

E, eu te respondo: Daí é esperar 2022. É esperar aparecer um novo ídolo, é esperar um novo técnico, é esperar a sorte, é esperar….

– Agora, independente disso, a Mobility Rio 2018 só tem a esperar que você nos visite, que as pessoas se sensibilizem mais pela causa das Pessoas com Deficiência, que a gente espere menos do outro e aja mais por nós ! E daí, a gente volta em 2019 e 2020, com um time sempre mais experiente, mais forte, completo, mais unido e, melhor sempre ! Porque eu, você e todos aqueles citados acima fazemos parte de um mesmo movimento – MOVIMENTO DE LUTA PELOS DIREITOS DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA ! MOVIMENTO PELA INCLUSÃO ! MOVIMENTO PELA MOBILIDADE E ACESSIBILIDADE !

Vamos fazer da Mobility & Show Rio 2018, um espaço unificador de verdade,  onde jamais aconteça um 7 x 1… Um lugar onde a vitória será de todos e não só de um !

Essa é a segunda edição da Mobility & Show no  Rio de Janeiro, uma das maiores feiras do segmento no Brasil e, repito como disse na mesma edição da Revista Reação de março/abril de 2017, há um ano atrás:

– “É para lá de um sonho fazer parte de uma história que está sendo construída. A nossa história. Acreditamos, agora, mais do que nunca que, a Cidade Maravilhosa, com a união de todos nós, poderá ser sim, uma CIDADE MARAVILHOSA, mas…  PARA TODOS !”.

Fábio de Seixas Guimarães é o Criador do Projeto BLA – Busco Legados de Acessibilidade, e Sócio Proprietário da ASAPARATODOS – Ações e Soluções em Acessibilidade e parceiro local da MOBILITY RIO.

E-mail: [email protected]

Site: www.asaparatodos.com.br