Egalitê comemora premiação internacional no Zero Project

A Egalitê, HRtech especializada na inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, comemora o reconhecimento no Zero Project, iniciativa da Austrian Essl Foundation, em conjunto com o World Future Council e o European Foundation Center, com foco nos direitos das pessoas com deficiência em todo o mundo.

Em meio à pandemia e ao cenário de desemprego e crise no mundo inteiro, a temática do ano de 2020 na premiação foi empregabilidade, com o intuito de construir um mundo mais acessível, sustentável e que inclua pessoas com deficiência. Foram analisados projetos de todo o mundo para a escolha das práticas premiadas que serão parte do anuário de 2021.

A Egalitê vem impactado o setor de forma bastante positiva. Em setembro deste ano a startup promoveu a Inclui PcD, 1º Feira de Empregabilidade para Pessoas com Deficiência Online do Brasil, que, inclusive, já é a maior feira online e gratuita de emprego para PcDs do país. Foram mais de 5 mil vagas e 300 empresas participantes, entre elas Oi, Magazine Luiza, MercadoLivre, Natura, Ernest Young, Grupo Dimed, J.P. Morgan e CSN. Apontamentos da startup indicam que houveram mais de 8 mil inscrições nas vagas em áreas de atuação como TI, finanças, comercial, logística e produção.

“Como a primeira empresa brasileira premiada nessa área, ficamos muito orgulhosos de demonstrar para o mundo as práticas feitas no país. Além do reconhecimento pelos nossos mais de 10 anos de trabalho em prol da empregabilidade de pessoas com deficiência”, comemora Guilherme Braga, CEO da startup.

Durante o processo de seleção para a premiação, a startup recebeu convites para projetos em países como Chile, Bangladesh e Nigéria, demonstrando a excelência do trabalho da Egalitê com empregabilidade de pessoas com deficiência. “Esperamos que seja um grande passo para levarmos cada vez mais longe esse impacto positivo”, finaliza o CEO. A premiação ocorre de maneira virtual em fevereiro de 2021.

Font Resize