Exposição gratuita no Santana Parque Shopping em SP reúne obras de artistas que pintam com a boca e com os pés

Até o dia 10 de outubro, o Santana Parque Shopping recebe uma exposição inédita e gratuita com telas de artistas com necessidades especiais do Brasil que pintam segurando o pincel na boca e/ou nos pés. Nos quatro finais de semana durante esse período, o público pode conferir de perto a apresentação ao vivo dos pintores realizando suas obras, das 17h às 19h no primeiro piso do empreendimento.

“O trabalho desses artistas, além de belíssimo, mostra o enorme e inigualável talento de cada um quebrando qualquer barreira física. Ficamos contentes em poder exibir a nossos clientes essa exposição tão inclusiva” comenta Marcus Borja, superintendente do Santana Parque Shopping.

A Associação vem transformando vidas e disseminando a arte pelo mundo. Ela surgiu quando Erich Stegmann, um artista que pintava com os pés e a boca, agregou um pequeno grupo de artistas com deficiência física de oito países europeus para que eles pudessem ganhar o seu próprio sustento por meio de esforços artísticos, conquistando uma segurança de trabalho que até então eles não tinham. 

Hoje em dia, a ABPB faz contato com artistas que perderam os movimentos de suas mãos, seja por nascença, acidente ou doença e agora pintam com a boca e/ou os pés, com intuito de incluir pessoas com deficiência ou em processo de reabilitação. A Associação oferece ainda assistência moral e informativa para pessoas com necessidades especiais que estejam interessadas em aprender a pintar e ganhar seu próprio sustento através dessa capacidade. O projeto reúne aproximadamente 800 artistas em mais de 70 países ao redor do mundo.

“Muitos dos nossos artistas começam encarando a pintura como uma terapia de reabilitação e acabam tornando-se grandes artistas e produzindo obras belíssimas. Em nossa associação rejeitamos a palavra caridade. Nossos artistas são profissionais que vivem do seu trabalho. Assim, acabamos ajudando a inseri-los no mercado de trabalho”, explica Paola Manograsso, diretora da APBP e uma das organizadoras do evento.

 

No último dia de exposição será realizado um leilão virtual com as telas pintadas ao vivo pelo site do empreendimento (www.santanaparqueshopping.com.br). Todo o valor arrecadado será revertido para a ONG Resgatando Vidas, um instituto sem fins lucrativos que promove a cidadania e transformação social na Zona Norte da capital paulista.