Grandes nomes formam casting da Converger

Em 2018 a startup Converger passou a oferecer ao mercado profissionais Pessoas com Deficiência para capacitar pessoas e empresas em todo o Brasil.

No casting da empresa estão nomes como os nadadores e medalhistas palímpicos Susana Schanarndorf, campeã mundial e medalha de prata nos Jogos do Rio 2016; Clodoaldo Silva, que participou de 5 paralimpíadas com 6 medalhas de ouro, 6 de prata e 3 de bronze; o ator roteirista e comediante Jeffinho Farias; a jornalista Fernanda Honorato – primeira repórter com Down no país, participando do Especial da TV Brasil, além de outros atletas, artistas e profissionais de psicologia e administração.

A Converger foi criada para transformar, motivar, capacitar profissionais e empresas com diversidade e impacto social. A ideia é ter uma equipe de profissionais que carregam na bagagem a superação diária de limites com muita resiliência para provocar mudanças de comportamento, inspirar, transformar e encorajar pessoas em todo país.

O empresário Carlos Paes, que criou a Converger também foi fundador da EMPROLRH, considerada a primeira empresa do Brasil em que todos os palestrantes e facilitadores são Pessoas com Deficiência.

Paes é um apaixonado pelo empreendedorismo social. Sua principal missão de vida teve início em 2000, um ano depois do nascimento do seu primeiro filho, Luiz Filipe, diagnosticado com TDAHA. Hoje aos 19 anos, Luiz Filipe é um dos melhores alunos do Colégio NAVE (RJ), transformando e superando qualquer expectativa. E essa trajetória serviu como inspiração para o desenvolvimento da Converger, uma empresa de palestras e eventos corporativos que nasce com a proposta de agregar valor a instituições privadas e públicas por meio da inclusão da Pessoa com Deficiência.

Para o empresário, “o ano de 2018 foi fundamental para que chegássemos ao estágio que estamos: a única empresa com foco em diversidade e inclusão só com PcD, sendo chamados por agências de publicidade e outras empresas de palestras que querem se ligar a nós em função de oferecermos algo diferenciado. O ano de 2019 deve ser o ano mais importante de crescimento e visibilidade no mercado corporativo”.