LIVE REUNE AUTORIDADES E BONS EXEMPLOS SOBRE A VACINAÇÃO PARA AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Na tarde desta quinta-feira, 8/4, o SISTEMA REAÇÃO, através da Página da Revista Reação no Facebook @revista.reacao e pelo Canal da TV Reação no Youtube, reuniu as principais autoridades do Brasil para discutir o tema #VACINAÇÃO JÁ PARA PCD.

O Departamento de Jornalismo conseguiu apresentar uma entrevista com Wellington Dias – Governador do Estado do Piauí e Presidente do Consórcio Nordeste e Marcos Trad – Prefeito de Campo Grande / MS. Eles são referência brasileira no sentido de tomar a iniciativa de iniciar a vacinação para as pessoas com deficiência, independentemente do Plano Nacional de Imunização, elaborado pelo Ministério da Saúde. O estado do Piauí, assim como a capital do Mato Grosso do Sul são pioneiros nesta iniciativa. Ainda ontem, foi divulgado também que o estado do Rio Grande do Norte publicou em Diário Oficial uma lei estadual que também prevê a vacinação das pessoas com deficiência, assim como a decisão do prefeito da capital carioca. Nesses dois casos, as decisões foram tomadas, mas ainda não iniciaram a vacinação.

A Deputada Federal Rejane Dias – Presidente da Comissão de Defesa da Pessoa com Deficiência da Câmara dos Deputados também foi entrevistada. Ela comentou sobre um projeto aprovado na semana passada que prevê que o segmento PCD esteja no Plano Nacional, mas o projeto ainda depende de sanção do Presidente da República. “E, acima de tudo, além de sancionar, é preciso colocar em prática o início imediato da vacinação”, afirmou Rodrigo Rosso, diretor do Sistema Reação.

O Deputado Federal Otavio Leite – membro da Frente Parlamentar Mista de Defesa da Pessoa com Deficiência do Congresso Nacional e também da Comissão na Câmara dos Deputados destacou o trabalho que foi realizado no Rio de Janeiro, “mas esse trabalho continua de forma muito intensa em Brasília. Essa é a nossa missão. Temos que incluir o segmento para a vacinação imediata e farei todo o esforço possível para isso. Levarei tudo o que está sendo debatido nesta LIVE para a Câmara dos Deputados. O segmento precisa se unir e fortalecer um movimento nacional pela vacinação”.

Marco Castilho, Presidente do CONADE, Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência afirmou que “o órgão vem trabalhando muito intensamente para convencer as autoridades federais a cumprir as legislações brasileiras – como a LBI, e, acima de tudo, as Convenções Internacionais. Não estamos buscando nenhum privilégio. Queremos, apenas que seja feita justiça. As autoridades precisam entender que as pessoas com deficiência merecem ser tratadas com dignidade”.

O advogado Caio Silva de Souza, Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da OAB do Rio de Janeiro, que tem forte atuação junto ao segmento comentou sobre as ações conjuntas que estão sendo realizadas no Rio de Janeiro e que devem se expandir por todo o Brasil. “Nós estamos apontando todas as legislações que garantem os direitos das pessoas com deficiência. Conseguimos reunir entidades representativas e já documentamos as autoridades sobre nossa ação. Continuamos cobrando aqueles que devem decidir sobre o assunto. O segmento sabe que pode contar comigo. Com muito esforço e empenho vamos vencer essa batalha”. O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Pessoa com Deficiência da Capital, a Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, por meio do Núcleo de Atendimento à Pessoa com Deficiência – NUPED, a Comissão de Defesa da Pessoa com Deficiência da OAB/RJ e a Frente Parlamentar do Congresso Nacional em Defesa dos Direitos da Pessoa Com Deficiência emitiram recentemente uma RECOMENDAÇÃO CONJUNTA, que inclusive foi matéria no Portal de Notícias da Revista Reação.
O Representante da AMPID, Assoc. Nacional dos Membros do Ministério Público de Defesa dos Direitos dos Idosos e Pessoas com Deficiência, o Promotor de Justiça Fernando Gaburri, também entrevistado na LIVE, falou da expectativa da pressão que está sendo feita em todo o Brasil. “Nós estamos no caminho certo. Esse movimento de todo o segmento e das principais instituições brasileiras tem tudo para obter uma mudança nesse quadro, e inserir as pessoas com deficiência para imediata vacinação. A Associação está se movimentando em todo o Brasil para que esse resultado seja positivo o mais breve possível”.

Fortes momentos de emoção aconteceram durante a entrevista com Paulo Ferronato – coordenador nacional do Movimento PCD Imunização Já. Cadeirante, o entrevistado disse que se – durante a sua infância – tivesse acesso à vacinação adequada, não teria se tornado uma pessoa com deficiência. “Isso é muito forte para mim. Eu venci muitas etapas na minha vida. Mas tudo poderia ter sido diferente se eu tivesse tido acesso a uma imunização adequada. Nós MERECEMOS UMA DOSE DE RESPEITO. Igual ao meu caso imagino que devem estar tantos outros inúmeros pelo Brasil. E tirar o direito de sermos vacinados imediatamente é uma grande injustiça. Nossa união por todo o Brasil tem sido muito gratificante. Vamos continuar nessa luta. #VacinaJá”.
O SISTEMA REAÇÃO, no decorrer desta semana enviou – oficialmente – diversos APELOS para órgãos e instituições brasileiras e internacionais. “APELAMOS para que intercedam junto às Autoridades do Governo Federal Brasileiro, do Distrito Federal e de todas as Unidades da Federação (Estados) e aos Prefeitos Municipais de todas as cidades brasileiras, que CUMPRAM as legislações existentes no Brasil e em todo o mundo, que determinam o RESPEITO AOS DIREITOS DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA, simplesmente isso”, afirma Rosso.

• Casa da ONU e Representante da UNESCO no Brasil
– Marlova Jovchelovitch Noleto

• ACNUDH – Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos
– Maria Jeannette Moya

• UNICEF – Representante do UNICEF no Brasil
– Florence Bauer

• Ministério Público Federal – 3ª Região
– Procuradora da República – Dra. Lisiane Cristina Braecher Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão

• Ministério Público Estadual de São Paulo
– Promotora de Justiça Sandra Lúcia Garcia Massud
Coordenadora da PESSOA COM DEFICIÊNCIA

• Ministério Público de São Paulo
– Promotor de Justiça Wilson Ricardo Coelho Tafner
6º Promotor de Justiça de Direitos Humanos – Área de Pessoas com Deficiência

• Presidente do Senado Federal
– Senador Rodrigo Pacheco

• Presidente da Câmara dos Deputados
– Deputado Federal ARTHUR CÉSAR PEREIRA DE LIRA

• Frente Parlamentar do Congresso Nacional em Defesa das Pessoas com Deficiência
– Coordenadora: Deputada Federal Tereza Nelma

• Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados – Presidente: Deputada Federal Rejane Dias
– Vice-Presidente: Deputado Federal Alexandre Padilha