Livro mostra a história da Lei Amália Barros sobre os monoculares

Obra que trata dos monoculares é escrito pela jornalista que ajudou a aprovar o projeto que reconhece a deficiência visual

A jornalista Amália Barros lança nesta quarta-feira (01) a obra “Se Enxerga: transforme desafios em grandes oportunidades para você e outras pessoas”. O livro aborda questões sobre os monoculares, que é uma deficiência visual do tipo sensorial. O evento será realizado a partir das 18h30 no Salão Negro do Senado Federal.

A lei 14.126 passou a ser chamada de “Lei Amália Barros”, já que a jornalista passou a trabalhar pela aprovação do projeto. A visão monocular é caracterizada quando a pessoa tem visão igual ou inferior a 20% em um dos olhos, enquanto no outro mantém visão normal. Com frequência ocorre a piora da noção de profundidade e da acuidade visual binocular,

“Sucesso só é significativo quando ele impacta positivamente na vida do outro e esse livro é uma metáfora. Quero por meio da minha história fazer as pessoas repensarem a forma como encaram os problemas apresentados pela vida”, afirma a autora.

 

Fonte: Misto Brasília