Núcleo de Apoio e Diagnóstico à Pessoa com Deficiência é inaugurado em Campina Grande

Foto: Francisco França

O governador João Azevêdo inaugurou, em Campina Grande, o Núcleo de Apoio e Diagnóstico à Pessoa com Deficiência no Hospital de Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes.

O espaço é resultado de uma parceria entre a Secretaria de Estado da Saúde (SES), a Secretaria de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia e a Fundação Centro de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad) e disponibilizará assistência em serviços de saúde, educação, mercado de trabalho, benefícios previdenciários e em outras áreas, contemplando a população da Rainha da Borborema e região que necessita do diagnóstico e de laudo médico com avaliação de uma equipe multidisciplinar para ter acesso a diversas políticas públicas.

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou a qualidade e a ampliação dos serviços disponibilizados pelo Governo do Estado em Campina Grande.

“Essa é uma prestação de serviço muito importante para a pessoa com deficiência. Campina Grande e a região precisavam de um atendimento como esse, representando a ampliação de um trabalho tão importante desenvolvido pela Funad na Paraíba. Esse é um esforço de várias Secretarias que estão irmanadas para proporcionar esse grande avanço no serviço de assistência”, frisou.

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, evidenciou a localização estratégica do Núcleo para atender as pessoas com deficiência.

“Esse é um local apropriado porque facilita o acesso dos pacientes a qualquer outra intercorrência. Nós estamos dentro de um hospital e isso facilita o acesso aos especialistas, tendo em vista que o Hospital de Trauma tem todas as especialidades disponíveis 24 horas por dia e esse Núcleo vem contemplar esse vazio assistencial, já que esse serviço era prestado em um espaço que não dispunha da estratégia de atendimento existente no nosso espaço”, disse.

O secretário de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia, Cláudio Furtado, afirmou que o espaço é fundamental para auxiliar os estudantes da rede pública.

“Essa é uma grande parceria entre Secretarias que também vai resultar no tratamento dos nossos estudantes que necessitam de atendimento especial. Aqui, eles vão contar com assistência de terapeutas, psicólogos e de todo acompanhamento médico necessário para os estudantes com algum tipo de deficiência”, disse.

A presidente da Funad, Simone Jordão, destacou o pioneirismo do serviço implantado em Campina Grande.

“Esse atendimento vai ser referência na emissão de laudos e diagnósticos na área da deficiência e esse serviço vai trabalhar em interface com outras instituições que trabalham com pessoas com deficiência, como a Apae e Instituto dos Cegos. Apesar de termos uma rede de reabilitação que se expande, a gente precisa de um local como esse porque a pessoa com deficiência precisa de um laudo para ter acesso a qualquer política pública”, falou.

A representante do Instituto dos Cegos de Campina Grande, Adenise Queiroz, elogiou a qualidade do serviço disponibilizado às pessoas com deficiência.

“Esse é um espaço de suma importância porque enfrentamos muitas dificuldades na nossa cidade e região na emissão de laudos que são essenciais para o acesso a qualquer serviço voltado para a pessoa com deficiência. Agora, vamos ter autonomia e acessar os benefícios”, comemorou.

O setor de atendimento da Funad, na Casa da Cidadania, reforçará o serviço de encaminhamento para o Hospital de Trauma de Campina Grande. No local serão realizados 15 atendimentos diários nos períodos da manhã e tarde, assegurando uma ampliação do serviço, que antes atendia apenas cinco pessoas por semana.

Fonte: www.paraibaonline.com.br

Font Resize