Oftalmologistas de todo o País organizam mutirões para prevenir e diagnosticar doença que pode levar à cegueira

Oftalmologistas

Médicos oftalmologistas de diferentes estados reforçam a luta contra uma doença que pode levar à perda total ou parcial da visão, mas é evitável. Durante o mês de novembro, dezenas de ações em estados e municípios vão servir de plataforma para a prevenção, o diagnóstico e o tratamento precoces da retinopatia diabética. Essa doença, considerada uma das principais causas de cegueira evitável, será o mote de mutirões de atendimento, palestras e sensibilizações, num movimento de retomada desta busca ativa de casos nas comunidades em decorrência da queda nos indicadores de covid-19.

A articulação desse esforço está sob a responsabilidade do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), que conta com o suporte de médicos e entidades localizadas nos estados e municípios. Preocupado com a segurança de todos os envolvidos, o CBO alerta: apesar dos números da pandemia apresentarem queda, todas as atividades serão conduzidas observando as orientações preconizadas pelas autoridades sanitárias. Isso quer dizer que serão evitadas aglomerações e estimulados os usos de máscaras e de álcool gel, entre outras medidas.

Assine nossa Newsletter

Newletter

* FIQUE ATENTO ÀS AÇÕES JÁ CONFIRMADAS NA SUA REGIÃO (LISTADAS EM ORDEM ALFABÉTICA).

Além das ações presenciais, o CBO também organiza no dia 21 de novembro um grande mutirão on-line com informações sobre a retinopatia diabética. O projeto “24h pelo diabetes” terá este ano sua segunda edição, garantindo aos interessados conteúdo de qualidade sobre a doença. Ao longo de uma maratona transmitida pelo YouTube, será possível acompanhar palestras, debates, entrevistas e reportagens. Também estão previstas sessões de teleorientação com o apoio de médicos oftalmologistas e de outras especialidades.

Para os oftalmologistas, as ações (presenciais e virtuais), que ocorrerão de forma descentralizada, são oportunidade de trazer à tona importantes questões que evidenciam o cuidado da saúde ocular, como etapa essencial no controle e tratamento do diabetes. No encontro com os moradores, será explicado que as altas taxas de glicemia no sangue podem trazer complicações para a visão e também ao coração, artérias, nervos e rins.

Como se trata de uma ação descentralizada, os estados e municípios que aderiram à iniciativa do CBO seguirão fluxos definidos pelos organizadores em nível local. Em alguns deles, as atividades já começaram para garantir que o acolhimento da demanda ocorra sob as regras de distanciamento social.

Na maioria dos serviços que participam deste esforço, os interessados terão acesso a exames para forma precoce a retinopatia diabética, além de outros problemas decorrentes do diabetes. Há iniciativas, que farão avaliações cardiológicas, nutricionais e testes laboratoriais, como glicemia, creatinina, hemoglobina glicada, colesterol, proteinúria e microalbuminúria. Tudo será oferecido de graça.

O diabetes é uma doença grave e silenciosa, o que exige a vigilância contínua por parte dos órgãos de saúde pública. A Federação Internacional de Diabetes (IDF, em inglês) vem ao longo dos anos estimulando debates e incentivando especialistas a se mobilizarem em torno dos cuidados desse problema que, em 2019, atingia 463 milhões de adultos ao redor do mundo, a maioria deles vivem em países de baixa e média renda, como é o caso do Brasil.

Nesse cenário, as ações de novembro também são uma oportunidade para revelar as deficiências e estimular o investimento de governos no cuidado e prevenção do diabetes.

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES DO NOVEMBRO AZUL POR ORDEM ALFABÉTICA DAS LOCALIDADES

BELÉM – PA

27/11 – Hospital Universitário Bettina Ferro de Souza. Ações de esclarecimento e de atendimento à população. Às pessoas diabéticas, serão oferecidos os seguintes serviços: exame de fundo de olho e, conforme indicação, haverá encaminhamento para fotocoagulação a Laser; atendimentos pela equipe de nefrologia, que prestarão esclarecimentos sobre a gravidade da nefropatia diabética e como evitá-la; exame do pé diabético.

BELO HORIZONTE – MG

06/11 – MG Olhos (Rua Carangola, 44 – Santo Antônio). Das 7h às 12h, serão oferecidos exames oftalmológicos de fundo de olho, retinografias, avaliação do Pé Diabético, avaliação endocrinológica, nutricional e do rim. Mais informações no e-mail marketing@centrooftalmologicomg.com.br, no telefone: (31) 2532-5900 (Márcia) ou nas redes sociais @centrooftalmologicomg

BLUMENAU – SC

27/11 – Setor 2 da Vila Germânica. Fundoscopia, exame do pé diabético e avaliação renal, das 7h às 12h.Mais informações: mutiraoblumenau@gmail.com ou Instagram

CAMPO GRANDE – MS

20 e 27/11 – Hospital São Julião. Parceria com a prefeitura de Campo Grande para atendimento especial nos dias de 500 pacientes triados. Durante o mês haverá treinamento de residentes com o retinógrafo portátil para iniciar implantação de referência por telemedicina.

FEIRA DE SANTANA – BA

06/11 – CLIHON: Rua Barão do Rio Branco, 892, Centro. Campanha para detecção precoce da Retinopatia Diabética, das 7h às 11h. Atendimentos gratuitos, realizados por agendamento: exame do fundo do olho, laserterapia, medida da pressão arterial, glicemia e muito mais. Para mais informações (75) 2102-2000 ou (75) 98109-5310.

FLORIANÓPOLIS – SC

06/11 – SESC da Prainha (Av. Syriaco Atherino nº 100, Centro). Das 9h às 16h, serão oferecidos exames de medidas de peso, altura e IMC (Índice de Massa Corpórea), pressão arterial sistêmica, avaliação dos pés, avaliação dos olhos pelo exame do fundo de olho para diagnóstico de retinopatia diabética, além de orientações nutricionais e relacionadas aos diagnósticos e tratamentos.

FORTALEZA – CE

06/11 – Hospital Geral de Fortaleza (manhã). Serão realizados, em pacientes previamente agendados, os exames de fotocoagulação a laser, avaliação do pé diabético, avaliação nutricional, avaliação com endocrinologistas e retinografia colorida.

GOIÂNIA – GO

20/11 – Fundação Banco de Olhos de Goiás (FUBOG), das 7h às 13h. Durante todo o mês de novembro planejam-se 1.000 atendimentos, realizados em centro especializados, como o Centro Estadual do Diabetes (CEAD), Liga de Diabetes UFG/HC e Clínica Cendi. Os pacientes com alterações graves serão triados para participar no Dia D.

ITABUNA – BA

20/11 – 2ª Fase de atendimento, das 8h às 16h, no hospital Beira Rio, com atendimento dos casos graves triados na 1ª fase. Serão realizados exames laboratoriais de Glicemia, Creatinina, Hemoglobina Glicada, Colesterol, proteinúria e microalbuminúria, além de exames de retina presenciais com oftalmologistas especialistas em retina, fotocoagulação a laser; avaliação cardiológica com cardiologistas, realizando eletrocardiograma e ecocardiograma; exames com nefrologistas, e avaliação dos pacientes com lesões mais graves com angiologistas;

10/11 – Live “Unidos pelo diabetes em ação” às 20h. Transmissão pelos perfis no Instagram @eloebete e @ongunidospelodiabetes, com apresentação da advogada Eloisa Malieri e participação dos oftalmologistas Rafael Andrade, presidente da ONG Unidos Pelo Diabetes, Maurío Maia, presidente da Sociedade Brasileira de Retina e Vitreo, e Cristiano Caixeta, Vice-presidente do Conselho Brasileiro de Oftalmologia;
27/11 – Programa Especial Diabetes na TV aberta Record;
29/11 – Aulão Azul Fitness Digital.

JOINVILLE – SC

27/11 – Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem. Serão avaliadas 500 pessoas diabéticas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e os pacientes que apresentarem alguma particularidade na triagem do fundo de olho, serão encaminhados para participar do “DIA D”. Nesse dia, serão realizados exames de fundo de olho gratuito e receberão orientações sobre a sua doença. Os casos que necessitarem de tratamento com laser, terão encaminhamento prioritário para tratamento via SUS.

RECIFE – PE

09/11 – OftalmoClub SOPE, via Zoom, Palestrante Rafael Andrade, às 20h;

20/11 – Corrida Grupo Avelar com camisa Novembro Azul SOPE. Público estimado 130 pessoas, às 6h;

20/11 – Fundação Altino Ventura (FAV), das 7 às 11h.Atendimento Oftalmológico, fotocoagulação a laser pré-agendados, aferição de pressão arterial e glicemia capilar.

27/11 – Serviço Oftalmológico de Pernambuco (Seope), na unidade de Jaboatão dos Guararapes, das 7h às 11h. Atendimento Oftalmológico pré-agendados para crianças diabéticas de 5 a 15 anos, aferição de pressão arterial e glicemia capilar. Mais informações no site, no Instagram ou no telefone: (81) 3423-3628.

RIBEIRÃO PRETO – SP

22 a 26/11 – Unidades Básicas de Saúde (UBS). Triagem dos pacientes diabéticos nas com exame de fundo de olho, retinografia e glicemia dos pacientes, além de exame do pé diabético. Mais informações no perfil do Instagram @Dra.Francyneveigacyrino ou Facebook Francyne Veiga Reis Cyrino Cyrino.

RIO DE JANEIRO – RJ

6/11 – Hospital da Gamboa/IORJ às 15h. Realização glicemia capilar, aferição PA, avaliação pé diabético, palestra com endocrinologista, nutricionista, fundo de olho com aparelho Eyer, estudo sobre espera dos pacientes do SUS para início da avaliação/tratamento. Responsável (21) 99506-7003 (Almyr Sabrosa); (21) 96903-6281 (Liliane).

SÃO PAULO – SP

03 a 30/11 – Regiões da Vila Guilherme/ Vila Maria e no Butantã. Com previsão de atender 2.000 pessoas, em parceria com o Instituto da Visão, SPDM e ANAD, serão ofertados exames de glicemia, hemoglobina glicada, colesterol, medida da pressão arterial e fundo de olho (retinografia). Os agendamentos deverão ser feitos por intermédio das Unidades Básicas de Saúde (UBS).

TOMÉ-AÇU – PA

20/11 – Hospital Universitário Bettina Ferro de Souza. Ações de esclarecimento e de atendimento à população. Às pessoas diabéticas, serão oferecidos os seguintes serviços: exame de fundo de olho e, conforme indicação, haverá

VITÓRIA – ES

27/11 – Núcleo Avançado de Retina e Pesquisa em Oftalmologia da Universidade Federal do Espírito Santo (Narpo/UFES). Ação pelo Diabetes, das 7h às 13h. Realização de aferição de glicemia capilar, aferição de PA, anamnese e teste de acuidade visual, exame biomicroscópico do segmento anterior e oftalmoscopia binocular indireta ou biomicroscopia de fundo, plano terapêutico para tratamento específico. Responsáveis: Dr. Thiago Cabral: (27) 999503969 – Acadêmica Allana Moulin: (27) 99628-3587.

VITÓRIA DA CONQUISTA – BA

20/11 – Unidade do CEOQ. Durante todo o mês de novembro a população será atendida pelos residentes médicos e os casos graves serão triados para o Dia D (20/11/2021) com o atendimento pelos retinólogos. Mais informações através da central de marcação (77) 3262-3100, WhatsApp (77) 98102-6620 ou no perfil do Instagram @ceoq_