Primos sobem juntos ao pódio no Mundial de Natação Paralímpica

Primos sobem juntos ao pódio

No dia 15 de junho – semana passada – dois primos fizeram história no Mundial de Natação Paralímpica, em Portugal. Eles são Samuel e Tiago Oliveira. Os dois perderam os braços por conta de um acidente com pipa, e 7 anos depois, subiram juntos ao pódio na maior competição mundial da categoria. Em 2015, eles tiveram contato com fios de alta tensão enquanto tentavam tirar uma pipa de uma árvore usando uma barra de ferro e receberam uma descarga elétrica de 13 mil volts. Os braços precisaram ser amputados na altura dos ombros.

Samuel – Samuka – de 16 anos, ficou com a medalha de prata nos 200m medley (categoria SM5), enquanto Tiago, de 21 anos, levou o bronze.

Os dois são de Campinas/SP, no interior de São Paulo, e emocionaram toda a família, os amigos e a torcida brasileira com a conquista ! 

Essa foi a quinta medalha individual de Samuel no Mundial. Ele já tinha sido campeão nos 50m costas, nos 50m borboleta e também no revezamento 4x50m livre, além de ter ficado com a prata nos 50m livre (todas provas na categoria S5 – para pessoas com limitações físico-motoras).

Os primos começaram na natação como parte da reabilitação, treinam juntos no Praia Clube, em Uberlândia/MG, e estão no primeiro Mundial.