São Paulo vacinará pessoas com Síndrome de Down contra COVID-19 a partir de 10 de maio

vacinas

A Federação das APAES do Estado de São Paulo (FEAPAES-SP) com o intuito de conscientizar a sociedade e principalmente as autoridades sobre a urgência da vacina contra o COVID-19, havia intensificado nos últimos dias a campanha #Euqueroviver,  para  a imunização das pessoas com deficiências.

Assine nossa Newsletter

Newletter

De acordo com a entidade, considerados grupos de risco devido às comorbidades pré-existentes, trata-se de um público que apresenta alto risco de morte pela Covid-19. Desde o início da pandemia, divulgou-se muito sobre os grupos de risco, destacando-se, porém, apenas pessoas idosas ou doentes crônicos, como diabéticos e hipertensos. Porém, as pessoas com deficiências, na maioria das vezes, apresentam esses mesmos tipos de comorbidades com um agravante: são um público que pode não tolerar o uso de máscaras e que possuem dificuldade de compreender a necessidade da higiene constante das mãos e do distanciamento social.

cronograma da vacinação mostra grupos com prioridade

“Muitas pessoas com deficiências ainda utilizam as mãos para se locomoverem em suas cadeiras de rodas ou utilizar tecnologias assistivas, necessitam de cuidadores, podendo se contaminar com grande facilidade.  Alguns especialistas apontam que uma pessoa com deficiência tem três vezes mais chance de contrair o coronavírus”, explica a presidente da FEAPAES-SP, Vera Lúcia Ferreira.

Pessoas com Síndrome de Down terão prioridade na vacinação contra a Covid-19

 

prioridade para Síndrome de Down
O resultado positivo da campanha foi confirmado nesta terça-feira, 20.  Pessoas com Síndrome de Down terão prioridade na vacinação contra a Covid-19. A decisão foi anunciada em uma coletiva realizada nesta terça, 20 de abril, pelo Governo do Estado de São Paulo. A imunização contra o coronavírus para pessoas com Síndrome de Down, ocorre devido à prioridade do grupo, já que apresenta fatores de risco que potencializam a gravidade do vírus no organismo.

A vacinação ocorrerá de forma escalonada, e terá início a partir do dia 10 de maio, para pessoas de 18 a 59 anos, com Síndrome de Down, além de pessoas transplantadas e com doenças renais em terapia. Estima-se que cerca de 120 mil pessoas sejam vacinadas.

Font Resize