Tratamento e escolarização de crianças autistas é o foco do novo curso do Lugar de Vida

Profissionais da área da saúde, da educação e da assistência social, com interesse nos campos da infância e nos fundamentos da psicanálise, têm uma oportunidade única de participar do Módulo I do curso Uma proposta de tratamento e escolarização de crianças autistas a ser ministrado por profissionais da equipe do Lugar de Vida – Centro de Educação Terapêutica e por professores convidados. Referência há 30 anos no tratamento e acompanhamento escolar de crianças e adolescentes com problemas psíquicos, o Lugar de Vida desenvolve um trabalho pioneiro fundamentado na Educação Terapêutica, conceito criado pela instituição que se baseia na articulação entre os princípios da psicanálise e da educação, tendo como visão o “educar tratando e o tratar educando”.

Além de oferecer tratamento e acompanhamento escolar, o Lugar de Vida consolidou-se como um centro de desenvolvimento de práticas clínicas, de pesquisas acadêmicas e de formação de profissionais, pesquisadores e estudantes das áreas da Saúde Mental e Educação. Os cursos do Lugar de Vida reúnem todo o conhecimento e a vivência de uma equipe interdisciplinar altamente qualificada e experiente.

O curso Uma proposta de tratamento e escolarização de crianças autistas apresenta o fundamento teórico-clínico da Educação Terapêutica, um conjunto de práticas institucionais interdisciplinares de tratamento e de escolarização destinado a crianças com transtornos de desenvolvimento, de aprendizagem e do quadro denominado Transtorno do Espectro Autista (TEA).

As aulas serão via plataforma Zoom, entre os dias 5 e 16 de julho, de segunda a sexta das 19h às 21h; e aos sábados das 9h às 11h. As inscrições vão até o dia 2 de julho.
Mais informações e inscrições em www.lugardevida.com.br.

O programa é formulado com base em aulas teóricas e seminários clínicos sobre os dispositivos de trabalho na instituição (interativos e com videoaulas gravadas). Haverá apresentação de casos e de cenas de intervenções filmadas autorizadas para fins de estudo. Os seminários clínicos trazem uma riqueza de práticas muito intensa, uma vez que tomam por base as atividades desenvolvidas na Clínica Lugar de Vida, onde o tratamento de crianças e adolescentes é realizado por meio de atendimentos individuais e em grupo, em ateliês de escrita, música, contação de histórias, culinária, jogos e brincadeiras. Os trabalhos são conduzidos por uma equipe integrada por profissionais das áreas da psicologia, psicanálise, fonoaudiologia e pedagogia. Já o acompanhamento escolar é feito em conjunto com profissionais da educação, com a escola e com os professores. São também oferecidos espaços e dispositivos para escutar e acolher os pais em diferentes modalidades de trabalho.

Durante o curso serão abordados os seguintes temas:
• Fundamentos teóricos da Educação Terapêutica
• História do Lugar de Vida e os dispositivos institucionais atuais de Educação Terapêutica
• O diagnóstico de TEA e o autismo na perspectiva psicanalítica
• As estruturas clínicas e o diagnóstico não decidido na infância
• Fundamentos dos Grupos Terapêuticos Heterogêneos e a Função do Semelhante
• A função da escrita na clínica do autismo e da psicose
• Grupo Interativo pais-crianças pequenas
• Grupo de Linguagem
• O lugar dos pais no tratamento institucional da criança com autismo
• Fonoaudiologia e Clínica de Linguagem na Educação Terapêutica

“Em um trabalho constante de articulação entre escola e tratamento, o Lugar de Vida criou o conceito de Educação Terapêutica, conjunto de procedimentos terapêutico-educacionais que visam ao restabelecimento ou à construção da estruturação psíquica de crianças que enfrentam falhas em seu processo de subjetivação, como as crianças que estão dentro do espectro do autismo”, afirma Maria Eugênia Pesaro, psicóloga mestre em Psicologia Social e doutora em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento, sócia do Lugar de Vida.

“Na psicanálise, para além dos sintomas constatados em discursos médicos, que muitas vezes selam destinos com diagnósticos que colam sobre o ser da criança, prioriza-se um diagnóstico aberto ou não decidido, que é um norte de trabalho para que a criança possa engendrar e ser engendrada em sua constituição e formação. Em outras palavras, a prioridade, na psicanálise, é que o encontro com o sujeito criança nos ensina e é a partir dele que se pode construir e reconstruir teorias que embasam e amparam as metodologias envolvidas no tratamento. Temos que dar voz a esse sujeito, fazê-lo viver”, acrescenta Cristina Keiko, doutora em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano e sócia do Lugar de Vida.

Ao participarem do curso, os profissionais das áreas de saúde, da educação e da assistência social terão amplo acesso a todo o conhecimento e prática clínica acumulados pelo Lugar de Vida em seus 30 anos de atuação.

Módulo I: Uma proposta de Tratamento e Escolarização de crianças autistas
Público-alvo: estudantes e profissionais da área da saúde, da educação e da assistência social com interesse no campo da infância, nos fundamentos da psicanálise
Docentes: profissionais da equipe clínica do Lugar de Vida e professores convidados
Horário: de segunda-feira a sexta-feira, das 19h às 21h; e sábados, das 9h às 11h
Período: 5 a 16 de julho de 2021
Plataforma: Zoom
Número de Vagas: 50
Carga Horária: 21 horas
Prazo de inscrição: 25/06/2021

www.lugardevida.com.br

_________________________________________________
Sobre o Lugar de Vida – Centro de Educação Terapêutica
O Lugar de Vida – Centro de Educação Terapêutica é uma instituição de referência no tratamento e no acompanhamento escolar de crianças e adolescentes com problemas psíquicos. O tratamento de crianças e adolescentes é realizado por meio de atendimentos psicanalíticos e fonoaudiológicos individuais e em grupo, em ateliês de escrita, música, contar histórias, culinária, jogos e brincadeiras. O acompanhamento escolar é feito em parceria com profissionais da educação, com a escola e com os professores. São também oferecidos espaços e dispositivos para escutar e acolher os pais em diferentes modalidades de trabalho.

Todo o trabalho é realizado por uma equipe interdisciplinar que integra profissionais das áreas da psicologia, psicanálise, fonoaudiologia e pedagogia. O trabalho do Lugar de Vida fundamenta-se na Educação Terapêutica, que se baseia na articulação entre os princípios da psicanálise e da educação e tem como visão o “educar tratando e o tratar educando”.

Em seus 30 anos de existência, o Lugar de Vida firmou-se ainda como centro de desenvolvimento de práticas clínicas, de pesquisas acadêmicas e de formação de profissionais, pesquisadores e estudantes das áreas da Saúde Mental e da Educação. Também oferece assessoria a instituições.

Em 2021 o Lugar de Vida realiza a quarta edição do Projeto Escolas Protagonistas – Diálogos com o Lugar de Vida para a construção do trabalho inclusivo em 2021 (em tempos de pandemia), dirigido às escolas com interesse em discutir a inclusão de crianças com Entraves Estruturais em sua Constituição Psíquica – EE – nomenclatura proposta em substituição à de Transtornos do Espectro do Autismo – TEA.

Font Resize